Gracie Barra Brasil

Jiu-Jitsu for Everyone
Gracie Barra wear
Search

GB Entrevista: Bate papo com o campeão dos leves Pro Division, Tiago Vigna

GB COMPNET, SANTOS – SP 2016
BATE PAPO COM O CAMPEÃO DO PRO DIVISION PESO LEVE

15349621_10211270961675103_5868201481843141962_n

Chega ao seu fim o ano de 2016, mas não as emoções que fizeram dele um grande ano na história da GB. Cada professor, aluno e atleta tem participação nas conquistas que fazem da Gracie Barra maior e mais forte. Antes de defenderem os títulos pela GB, nossos guerreiros superam outras batalhas diárias dentro e fora dos tatames. Um dos nossos campeões do Pro Division do CompNet Santos 2016, Tiago Vigna, não venceu só as lutas até o cinturão. Antes, ele venceu uma batalha ainda maior contra si mesmo.

Esse ano, para Tiago, tinha tudo para terminar sem comemoração ou qualquer prêmio que requeresse dele a participação em campeonatos, como o mesmo contou, “Em 2015 tive uma lesão muito séria competindo. Rompi todos os ligamentos do cotovelo e a cápsula articular, ouvi todos os médicos dizerem que eu nunca mais conseguiria competir no mesmo nível. Minha família e amigos diziam que estava na hora de parar, mas o coração dizia que tinha muito mais pela frente ainda”.

Afastado dos campeonatos, mas não do jiu-jitsu, o faixa preta recebeu a missão de se tornar professor na GB Paulínia há 2 anos e, embora esteja constantemente presente nos tatames, isso não significa que os treinos de alto rendimento estão sempre em dia. Conciliar a função de professor com um estilo de vida direcionado às competições é uma outra luta, como Tiago compartilhou conosco, “Ao contrário do que muitas pessoas pensam, não é porque vivo do jiu-jitsu que consigo treinar 24hs por dia. Ao ministrar uma aula gosto de me doar 100% na atenção dada aos meus alunos. Sendo assim, procuro fora dos horários de aula marcar um rola ou outro com os mais graduados. Também conto com o apoio do meu Professor Anderson Amaro, responsável pela GB Cosmopolis, cidade vizinha à minha escola, que me dá todo o apoio. Após terminar as aulas na GB Paulínia, vou correndo para Cosmópolis treinar. É bem cansativo, mas quando se faz tudo com amor se torna gratificante.”

O CAMINHO ATÉ O CINTURÃO DOS LEVES NO PRO DIVISION – COMPNET SANTOS, SP

Cinturão e passagens nas mão, o faixa preta 1º grau, encontrou no CompNet Santos a motivação que o faria voltar a competir, encerrar o ano com chave de ouro e realizar o sonho de competir fora do Brasil

15392788_10211270927834257_6082902297974362370_o[GB BR] Como foi a preparação para o CompNet Santos 2016?
[Tiago Vigna] Fiquei sabendo do COMPNET menos de 2 meses antes, estava parado e sem ritmo de competições. Estava muito motivado pela possibilidade de poder ir lutar na Califórnia, resolvi focar muito nessa competição, passei a treinar todos os dias, de segunda a domingo, chegava a fazer 3 treinos por dia,  pra isso contei com a ajuda do Professor Thiago Vasc, também responsável pela GB Paulínia, que segurava a pontas nas aulas enquanto eu treinava. Melhorei a alimentação e perdi 7kg pra entrar na categoria Pro Division dos leves.

Você voltou com o cinturão para casa, faturou o prêmio do Pro Divison. Como foram as lutas até chegar à vitória?

Todas as lutas foram muito duras, o nivel dos faixas pretas da Gracie Barra é altíssimo, os melhores estavam ali.  Todos os meus treinos me deram muita confiança, eu estava muito focado, muito determinado que ia entrar ali e dar o meu melhor, não estava lutando só pelo sonho de lutar na Califórnia, mas eu estava lutando pra provar pra mim mesmo que eu seria capaz de dar a volta por cima e superar todos os obstáculos que eu tive no ultimo 1 ano e meio. Eu sabia que ia entrar pra lutar com conhecidos e ate companheiros de treinos, não poderia deixar isso me influenciar, tinha que manter o meu jogo duro porem com todo respeito aos meus “adversários” pois somos todos família Gracie Barra. Consegui impor meu ritmo e ganhei todas a lutas sem tomar nenhum ponto.

15319050_10211270948874783_5589705400197071918_n

Tiago Vigna e Thiago Vasc, ambos responsáveis pela GB Paulínia – SP

Em relação a outros campeonatos, o que você tem a dizer sobre a realização do CompNet Santos?

Não só eu mas como todos os meus alunos não enxergaram nenhum ponto negativo, estava tudo super organizado. Ginásio excelente e confortável pra quem foi assistir, cronograma no horário certo, arbitragem sem reclamações, o que acontece muito em outros campeonatos.  A organização disponibilizou ate alojamentos pros atletas. As medalhas eram lindas. E principalmente a premiação do pro division não poderia ser melhor, isso incentiva e valoriza muito os atletas, o que não vemos em outras confederações. Posso dizer que o Professor Ranieri junto com a sua equipe fez um excelente trabalho. Teve também a presença ilustre do Professor Márcio Feitosa e o colaborador regional Carlos Líberi da GB Campinas, isso mostra a importância desse evento para a Gracie Barra. Não vejo a hora do dia em que tivermos o Mundial da Gracie Barra, e esse dia vai chegar!

O QUE ESPERAR DE 2017 DENTRO E FORA DAS COMPETIÇÕES

 Quais as expectativas para as competições em 2017 e para a sua escola?

Em 2017 estou focado no Pan na Califórnia, já estou treinando desde já. Pretendo disputar alguns campeonatos aqui no Brasil também. Para isso estou montando alguns seminários que irão me ajudar financeiramente nessas viagens pras competições.  Tenho alguns alunos competidores, pretendo incentiva-los ainda mais e até mesmo aqueles que nunca competiram a disputarem campeonatos, fortalecendo ainda mais a força que o exercito da Gracie Barra possui dentro das competições.

VOCÊ TAMBÉM PODE!

Deixe uma dica para aqueles professores que desejam voltar a competir

Sei o quanto é difícil conciliar a vida de competidor com a vida de professor, porem o esforço vale a pena. Você acaba servindo de espelho e incentivando os seus alunos, sua academia passa a ter maior visibilidade com os resultados obtidos tanto seu como de seus alunos nas competições.

 

 

 

 Fotos: Lucas Rolim 

 

 

Deixe uma resposta