Gracie Barra Brasil

Jiu-Jitsu for Everyone
Gracie Barra wear
Search

GB Blog: 4 dicas para ficar com a guarda fechada afiada!

Fundamental, indispensável e necessária, não existe jiu-jitsu sem a guarda fechada. Nos primeiros passos no tatame ela entrará na sua vida para nunca mais sair. A partir dela surgirão as primeiras raspagens, desde as mais básicas até as mais complexas. Porém, ter uma boa guarda fechada não é algo tão simples quanto possa aparecer.

Como todas as outras posições, ela também requer atenção em pontos importantes para ser bem aplicada. Fazer jus ao nome “guardeiro” não é uma tarefa fácil, mas nós temos 4 dicas especiais para você que deseja virar um guardeiro nato.

 1- Posições justas: Botar na fechada é fácil, difícil é saber trabalhar nela. Todas posições oriundas desse tipo de guarda devem ser justas, ou seja, nada de deixar o adversário ganhar espaço. Busque sempre quebrar a postura do oponente usando as mão nos cotovelos ou pegadas de pano que o mantenham perto de você.

2- Pernas, quadril, lombar e abdômen fortes: Essas são as partes do corpo mais utilizadas pelos guardeiros. Além dos treinos de jiu-jitsu, priorize também o fortalecimento muscular.  Com ele você evita as lesões e melhora seu desempenho no tatame. Tudo com o auxílio de um profissional de educação física.

Fotos por: Anderson Rapello

3- Sequência de ataques: A guarda não foi feita para amarrar. Ela foi feita para movimentar. Tenha no seu jogo no mínimo 2 tipos de ataques de braço e/ou estrangulamento, 2 raspagens fortes e 2 pegadas das costas que você execute bem. Aja com certeza e sem com dúvidas. Treine!

4- Não esquecer nenhum detalhe: Eles fazem a diferença. A falta de um pequeno ajuste pode fazer você levar tudo a perder. Procure repetir as posições que você tem confiança. Afinal, ter preferência por uma determinada técnica, não o isenta de estar sempre relembrando o passo a passo.

Deixe uma resposta